Queda de crédito malparado na Europa liderada por bancos portugueses

A agência de rating DBRS Morningstar concluiu que a banca portuguesa registou a maior descida do rácio de malparado este ano, após análise de 38 bancos europeus. A DBRS alerta que o nível de crédito em incumprimento nos bancos nacionais é dos mais elevados da europa e que são as moratórias que estão a travar o incumprimento. No entanto, com o fim das moratórias no crédito, mais empréstimos vão entrar em incumprimento.

De acordo com a agência, o nível de NPL (non performing loans) caiu 11% em Portugal nos primeiros nove meses do ano, sendo entre os países europeus o país com maior descida. Analisada a variação registada no terceiro trimestre, o malparado desceu 6% e os bancos nacionais voltam a distinguir-se pela positiva.