Nível de atividade na Reabilitação Urbana retoma crescimento em abril

A AICCOPN apresentou hoje os resultados do Barómetro da Reabilitação Urbana.

Com base nos dados apurados pela AICCOPN (Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas) o nível de atividade teve um aumento de 1,1%, a carteira de encomendas apresenta uma variação de 2,4% e a estimativa de produção contratada é de 9 meses.

De acordo com os valores obtidos no inquérito mensal, realizado pela AICCOPN, aos empresários do setor que atuam no mercado da Reabilitação Urbana, relativo ao mês de abril de 2021, apura-se um crescimento de 1,1% do índice qualitativo que mede a evolução do Nível de Atividade, o qual regressa a terreno positivo ao fim de 12 meses de variações homólogas negativas.

No que concerne ao índice que mede a opinião dos empresários relativamente ao volume da Carteira de Encomendas, o mesmo apresenta em abril uma variação homóloga de 2,4%, mantendo-se em terreno positivo pelo segundo mês consecutivo.

Quanto ao o tempo assegurado de laboração a um ritmo normal de produção, ou seja, produção contratada, em abril, estimou-se em 9 meses. Mesmo mostrando uma ligeira quebra face ao mês anterior, revela um crescimento de 17% comprando com o mês de abril de 2020.