Gabriel Couto responsável pela empreitada de reabilitação e construção de projeto imobiliário promovido pela SCML

O novo empreendimento conta com uma área de construção global superior 6.300 m2.

A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa confiou ao Grupo GABRIEL COUTO a nova empreitada de reabilitação e construção de um empreendimento imobiliário no centro de Lisboa. A empreitada de reabilitação e construção deste novo empreendimento, localizado no centro da capital, é um projeto de Arquitetura da autoria da PROMONTÓRIO.

Com uma área de construção global superior 6.300 m2, o novo empreendimento está inserido num Lote de 1.700 m2, prevê a construção de 32 novos apartamentos de diferentes tipologias, desde T0 a T3, assim como a pavimentação do exterior criando arruamentos, passeios e zonas verdes, sendo o prazo global da empreitada de 2 anos.

Existem atualmente 3 construções no local (esquina da Rua Sousa Martins com a Praça José Fontana), sendo que o edifício de gaveto que dá para a Praça José Fontana e o edifício térreo na Rua Sousa Martins serão demolidos, para dar lugar ao edifício novo, reabilitando-se e ampliando-se o edifício existente na Rua Sousa Martins nº 22.

Segundo a informação da empresa, o edifício novo será realizado num único bloco estrutural, sendo constituído por 3 caves e 7 pisos acima do solo. Os pisos -3 e -2 serão para estacionamento, enquanto o piso -1 servirá para arrumos. No piso 0 estão previstas algumas lojas, átrio de entrada, acesso ao estacionamento e áreas técnicas, sendo todos os pisos elevados para habitação.

No edifício a manter, está prevista a ampliação de um piso no topo e construção de uma nova cobertura, assim como toda a reformulação controlada na organização dos pisos e interna dos diversos apartamentos, e a introdução de um novo elevador.

A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa é detentora de um vasto e diversificado património imobiliário, sobretudo em Lisboa, mas que se estende por todo o território nacional e que resulta, na sua maioria, da confiança dos seus beneméritos. Segundo a Direção do Património da SCML, com o desenvolvimento deste projeto habitacional na Praça José Fontana e Rua Sousa Martins, a SCML pretende “responder às necessidades de todas as gerações. Jovens, famílias numerosas, pessoas mais velhas… na diversidade de tipologias vão poder escolher aquela que melhor se adapta às suas necessidades”.

De acordo com Daniel Costa, Diretor Comercial do grupo Gabriel Couto, “A empresa pretende desempenhar um papel ativo no quadro do ´dinamismo estimulante´ que se tem verificado nos últimos anos na área da reabilitação e regeneração urbana, contribuindo com todo o seu conhecimento e experiência nesta área. A requalificação e construção deste novo empreendimento em Lisboa é mais um desafio aliciante para a empresa GABRIEL COUTO”.

Com méritos reconhecidos no setor da construção, tanto a nível nacional como internacional, para a empresa GABRIEL COUTO a adjudicação deste desafiante e novo projeto imobiliário por parte da SCML, surge no seguimento de uma aposta muito forte do grupo na região de Lisboa nestes últimos anos, quer no sector privado, como público.