#BrainsFlash

Mercadona prevê a abertura de 10 novas lojas e um investimento de 150 milhões de euros em 2022.

Depois de uma semana que se notou mais tranquila, esta última semana chegou em grande, para o fecho do primeiro trimestre do ano. Com bastantes transações e investimentos, a última semana de março, mostrou uma vez mais a força que alguns segmentos do mercado demonstram ter. Sobretudo, e após dois anos de grande escassez de utilizadores provocado pela pandemia, o setor dos hotéis mostrou cada vez mais o seu dinamismo e está a arrancar em força neste início de ano.

A realçar ainda o segmento residencial, que também teve alguns anúncios de grandes investimentos que visam mitigar a falta de oferta do parque habitacional no país.

Logo no início da semana, o Grupo Empril anunciou a aquisição de um terreno com mais de 60 mil m2 em Vila Nova de Gaia. O imóvel tem 60.910 m2 e o projeto tem viabilidade para construção residencial e é resultado de investimento superior a 30 milhões de euros que impulsionará a posição de liderança que o Grupo Empril já detém no mercado de Vila Nova de Gaia. O projeto com uma vista desimpedida sobre o rio Douro e com grande proximidade à linha marítima.

Entretanto, no segmento hoteleiro, o Four Points by Sheraton Matosinhos abriu portas num investimento de 19,1 milhões de euros. Localizado no centro da cidade e a apenas cinco minutos da praia, a nova unidade hoteleira disponibiliza 108 quartos. Resultado de um projeto de reabilitação urbana pelas mãos da Mercan Properties. O hotel oferece o que os viajantes em negócios mais necessitam, todos os quartos estão equipados com cozinha compacta e outras comodidades, como Wi-Fi, para que os hóspedes se sintam em casa.

Também no Norte do país, a Hoti Hoteis aposta num novo hotel em Braga. O Hotel Plaza Central tem abertura prevista para a Páscoa de 2024 e resulta de um investimento de 16 milhões de euros. O Grupo Hoti Hoteis apresentou no início da semana o seu novo projeto que contará com 108 quartos, com cunho português no design, decoração e materiais, a nova unidade disponibilizará também spa, piscina exterior e piscina interior, restaurante, bar, claustro e salas de reunião.

No retalho, a empresa Mercadona anunciou a abertura de um supermercado em Guimarães e prevê investimento de 150 milhões de euros em 2022. A cadeia de supermercados vai chegar a 5 novos distritos, Viseu, Leiria, Santarém, Setúbal e Lisboa. A primeira das 10 novas lojas previstas para 2022 em Portugal vai abrir em Guimarães, no dia 5 de Abril. As novas lojas continuam a revelar a forte aposta feita pela cadeia de supermercados em Portugal.

Já no final da semana, veio a público que o terreno da antiga fábrica de chocolates Favorita vai dar lugar a um projeto residencial. O terreno conta com uma área de cerca de 7.000 m2 e mais de 9.000 m2 de área bruta de construção potencial. Ainda em análise pela Câmara Municipal de Lisboa, o projeto prevê o desenvolvimento de 90 apartamentos, num investimento que ronda os 40 milhões de euros. O projeto contempla ainda uma área dedicada a retalho e amplas áreas de espaços verdes, tanto para utilização privada dos residentes como de utilização coletiva pública. O valor de venda do ativo, que foi vendido pela sociedade Gavepart – Imobiliário e Turismo S.A., não foi revelado.

Por último, a empresa Emanuelle Investments adquiriu um lote para promoção residencial em Leça da Palmeira, concelho de Matosinhos. O ativo com valor de investimento de 15 milhões de euros, tem capacidade para acolher um projeto residencial com cerca de 5.000 m² e 50 apartamentos divididos em 11 pisos.